ROCK

Angus Young e a incerteza sobre o AC/DC

By  | 

Sem Malcolm Young, Phil Rudd e Brian Johnson, o célebre guitarrista e fundador ainda não sabe se a banda continua

Angus Young está em um grande dilema. E não é para menos: perto de finalizar a turnê Rock Or Bust em setembro, o lendário guitarrista está mergulhado em uma grande incerteza sobre o futuro do AC/DC. Hoje com Axl Rose a frente nos vocais, a banda segue firme em turnê, mas após o dia 20 de setembro quando eles realizam o último show da turnê na Filadélfia (EUA), tudo pode mudar.

“Neste momento, eu não sei. Estamos empenhados em terminar a turnê”, afirmou o músico de 61 anos, questionado em entrevista a Rolling Stone sobre a continuação do AC/DC. “Quem sabe o que eu vou sentir depois? Quando você assina e diz “Eu farei isso e aquilo” é sempre bom dizer no final, “Eu fiz tudo o que eu disse”, afirmou.

Motivos para dúvida não faltam: a banda sofreu importantes baixas como a saída do guitarrista Malcolm Young em abril de 2014, o baterista Phil Rudd, que foi preso por tentativa de assassinato e posse de drogas em novembro daquele ano, a saída do vocalista Brian Johnson, que foi aconselhado pelos médicos a deixar a turnê em decorrência do risco da perda de audição e a aposentadoria do baixista Cliff Williams, anunciada no dia 8 de julho. Com isso, Young tornou-se o único membro original da banda.

A Rock Or Bust World Tour entrará em sua fase final no dia 27 de agosto com um show em Greensboro e seguirá para as cidades de Sunrise, Atlanta, Columbus, Cleveland, Auburn Hills, Buffalo, Nova York, Washington e, por final, na Filadélfia.

O AC/DC é uma das maiores bandas da história do rock com 200 milhões de discos vendidos em todo o mundo com uma carreira consolidada a mais de quatro décadas.

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e foi membro do Grammy Latino.