Connect with us
Adriana Calcanhoto lança novo clipe "Meu Bonde" Adriana Calcanhoto lança novo clipe "Meu Bonde"

MPB & SAMBA

Adriana Calcanhotto lança novo clipe “Meu Bonde”

Gravado durante a turnê “Margem”, faixa carrega batidas de funk e uma pegada meio marchinha

Divulgação

Published

on

Após fechar com chave de ouro a turnê Margem pelo Brasil, a cantora Adriana Calcanhotto lançou na última sexta-feira (21) o clipe de Meu Bonde, single que carrega batidas de funk e uma pegada meio marchinha, presente no décimo álbum de estúdio da cantora. A faixa já está disponível em todas as plataformas digitais.

Adriana Calcanhoto lança novo clipe "Meu Bonde"

Sob direção, fotografia e edição de Murilo Alvesso, as imagens de Meu Bonde foram extraídas durante a última turnê, que rodou o Brasil, os Estados Unidos e a Europa entre 2019 e 2020.

Para o videoclipe, Murilo captou imagens de 22 cidades brasileiras, além de Lisboa e Porto, em Portugal, país onde Adriana ministra o curso Como Escrever Canções na Universidade de Coimbra.

O diretor fala sobre o trabalho: “Meu Bonde foi o clipe mais gostoso e complicado que eu já fiz. Ele reúne os shows e deslocamentos da turnê Margem entre Brasil e Portugal em um único número. Essa é uma música que foi ganhando sentido pra mim na estrada, quando me vi parte dessa tripulação a que o funk se refere. Foi gravado em banho-maria, na adrenalina de cada show e com uma única câmera, abraçando a irmandade que nasceu nessa turnê. Pela viagem, nos perrengues e momentos gloriosos, esses versos não podiam ser representados com mais sinceridade”.

Adriana Calcanhoto lança novo clipe "Meu Bonde"

No vídeo, Adriana aparece em cima do palco, no backstage, em passagem de som, interagindo com fãs, percorrendo trajetos terrestres e aéreos com sua banda e equipe. “Em comparação com todos os outros clipes que fizemos desse projeto, esse oitavo é a imersão em que a Adriana foi mais generosa, dançando com a lente por todos esses palcos e caminhos. A todos os que se perguntavam por que aquele cara subia ao convés na última música, está aqui a resposta”, revela Murilo.

Confira:

MPB & SAMBA

Nando Reis confirma nova data para show de encerramento da turnê “Esse amor sem preconceito”

Apresentação, adiada por conta da pandemia do Convid-19, combina hits autorais com clássicos do rei Roberto Carlos e terá participação especial de Paulo Miklos

Published

on

Nando Reis confirma nova data para show de encerramento da turnê "Esse amor sem preconceito"
Divulgação

O cantor e compositor Nando Reis anunciou que o dia 19 de junho é a nova data para o show de encerramento da turnê Esse amor sem preconceito. O espetáculo é baseado no álbum mais recente do artista, Não sou nenhum Roberto, mas às vezes chego perto, com músicas de Roberto Carlos. A apresentação traça um paralelo poético entre a obra autoral do ex-Titã com os clássicos do ícone da Jovem Guarda. A realização do show é assinada pela Peck Produções.

Nando Reis confirma nova data para show de encerramento da turnê "Esse amor sem preconceito"

No repertório, músicas como O Segundo Sol, As coisas tão mais lindas, Pra você guardei o amor, Sei e All Star, de Nando Reis, e Alô, De tanto amor, Você em minha vida, Todos estão surdos e Amada Amante, de Roberto Carlos em parceria com Erhttp://vivorio.com.br/eventos/nando-reis/asmo Carlos – esta última foi a música que inspirou o nome da turnê: “Esse amor sem preconceito/ Sem saber o que é direito/ Faz as suas próprias leis”.

O show terá ainda a participação especial do cantor Paulo Miklos, companheiro de banda de Nando nos Titãs.

Lançado em abril de 2019, quando Roberto Carlos completou 78 anos de idade, esse é o 13º álbum do músico, com 12 faixas de 23 anos de repertório do Rei, entre os anos de 1971 a 1994.

Nando Reis
9 de junho de 2020 (sexta-feira)
Horário: 22 horas
Local: Vivo Rio (Infante Dom Henrique, 85 — Parque do Flamengo — Rio de Janeiro
Classificação: 18 anos
Ingressos: http://vivorio.com.br/eventos/nando-reis/
Valores: A partir de R$120

Continue Reading

MPB & SAMBA

Coronavírus: Leandro Lehart chegou passar “dias terríveis” em UTI

Published

on

Coronavírus: Leandro Lehart chegou passar "dias terríveis" em UTI
Divulgação

O cantor Leandro Lehart revelou em seu perfil no Instagram que chegou a ficar seis dias internado em uma UTI após ter contraído o coronavírus. Já recuperado, o artista de 48 anos e compositor de sucessos do Art Popular, diz ter vivido “dias terríveis”.

Coronavírus: Leandro Lehart chegou passar "dias terríveis" em UTI

“Eu passei muito mal e aí eu tive uma pneumonia por causa do covid-19. Fiquei seis dias na UTI, passei dias terríveis, mas quero dizer que eu estou novo, e estou muito bem graças a Deus”, escreveu na rede social.

Leandro Lehart também revelou que começou a passar mal após trabalhar no show Samba Cura Live, que aconteceu no dia 21 de março. Desde então, o cantor preferiu não divulgar o problema: “Me silenciei por uma opção. Achei que era mais importante ficar quieto. Hoje estou em casa, estou em alta, feliz e rezando pelos doentes da covid-19”, concluiu.

Assista:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Comunicado aos fãs.

Uma publicação compartilhada por Leandro Lehart (@leandrolehart) em

Continue Reading

MPB & SAMBA

Clarice Falcão revisita sua carreira no EP “Eu Me Lembro”

Apontando para uma nova sonoridade da artista, álbum conta com hits e participação de Letrux

Published

on

Clarice Falcão revisita sua carreira no EP "Eu Me Lembro"
Divulgação

A cantora, compositora e atriz Clarice Falcão revisita, homenageia e recria sua carreira no EP Eu me Lembro. O novo projeto conta com cinco canções de trabalhos anteriores da cantora com a estética eletrônica que marca a turnê atual da artista, inspirada no disco Tem Conserto (2019).

Clarice Falcão revisita sua carreira no EP "Eu Me Lembro"

Trazendo outras cores para favoritas do público, o EP serve como um marco da evolução e amadurecimento de Falcão, está disponível em todas as plataformas digitais pela Ditto e chega junto de um clipe.

“Minha música é muito focada nas letras, que é algo que gosto muito, mas nos últimos anos eu queria que a música acompanhasse o clima. Mudamos bastante e achamos novas camadas para essas canções”, conta Clarice.

Lançado no ano passado, Tem Conserto traz uma artista se abrindo de modo inédito para debater questões profundas e pessoais, como ansiedade e depressão, que a acompanham desde a adolescência. O álbum foi o grande responsável por essa nova direção musical. Integrando essa estética agora a canções de discos anteriores de Falcão, o EP Eu Me Lembro traz a inédita Pra Ter o que Fazer, lançada anteriormente somente no YouTube em 2012 em um formato voz e violão; duas faixas do disco Problema Meu, Irônico e Eu Escolhi Você, além de duas do seu debut Monomania, O Que eu Bebi e Eu Me Lembro, que ressurge em um dueto com Letrux.

“Sou muito fã da Letícia (Novaes) desde o tempo de Letuce. Antes mesmo dela ser a Letrux e do Noite de Climão, a convidei para cantar essa música comigo em um show no Circo Voador e foi mágico. A partir daquele dia, sempre tentei fazer o dueto dessa música com outras mulheres. Aí quando decidimos regravar essa música, que além de ser uma das mais conhecidas e uma das que mais ressoam em mim, não tive dúvidas de convidá-la”, conta Clarice, que na versão original faz um dueto com Silva.

Eu Me Lembro conta com a produção de Lucas de Paiva. A mixagem e masterização são assinadas por Gabriel Guerra.

Confira o clipe:

Continue Reading

As Mais Lidas