in

The Beatles: primeiro contrato com Brian Epstein será leiloado

O primeiro contrato da carreira dos Beatles, com o empresário Brian Epstein, será leiloado na Sotheby´s em julho por cerca de £ 300 mil (cerca de R$ 1,4 milhão).

Paul McCartney, John Lennon, George Harrison e Pete Best assinaram o contrato no dia 24 de janeiro de 1962, 14 meses antes de lançarem seu álbum-début Please Please Me pela EMI.

O documento foi assinado na sala de estar de Pete Best, atribuindo a Epstein a tarefa de gerenciar a banda, cuidando dos ensaios, agenda de apresentações e publicidade. Além disso, ele também seria responsável pelo vestuário, maquiagem, construção dos artistas e as músicas a serem executadas.

Brian Epstein assistiu os Beatles pela primeira vez durante uma apresentação da banda no Cavern Club em Liverpool. Encantado com a performance dos músicos e sentindo a potência artística deles, Epstein ofereceu seus serviços à banda em menos de três semanas depois de vê-los tocar. O empresário anterior, Allan Williams, teria supostamente avisado Epstein: “Eles vão decepcioná-lo”. O resto é história.

O contrato de Brian Epstein com os Beatles mostra que o empresário ficaria com 10% do lucro da banda ou 15% se os ganhos excedessem £ 120 por semana.

Brian Epstein faleceu no dia 27 de agosto de 1967 em decorrência de uma overdose de drogas que foi considerada uma morte acidental.

Matéria produzida por Marcelo de Assis

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Já realizou reportagens musicais na Record TV para o Domingo Espetacular e Jornal da Record. Foi vencedor do Prêmio TopBlog em 2010 e membro do Grammy Latino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Guns N´Roses anuncia nova série de shows da “Not in This Lifetime Tour” nos EUA

O Rei Leão: Beyoncé e Donald Glover revisitam clássico “Can You Feel The Love Tonight”