Connect with us

O longa-metragem Bohemian Rapsody se consagrou como um dos principais vencedores do Oscar 2019 que aconteceu na noite deste domingo (24) em Los Angeles.




A cinebiografia que mostrou a história do Queen e de seu lendário vocalista Freddie Mercury (1946-1991) levou quatro estatuetas nas categorias Montagem, Mixagem de Som e Edição de Som e, principalmente, de Melhor Ator para Rami Malek.

Malek desbancou fortes concorrentes: Christian Bale (Vice), Bradley Cooper (Nasce Uma Estrela), Willem Dafoe (No Portal da Eternidade) e Viggo Mortensen (Green Book – O Guia).

“Fizemos um filme sobre um homem gay e imigrante que viveu sua vida sem pedir desculpas”, disse Rami Malek depois de receber o Oscar. “E seu sucesso é a prova de que as pessoas querem ver isso. Sou filho de imigrantes do Egito, de primeira geração. Parte da minha história está sendo escrita agora. E não poderia ser mais agradecido a todos que acreditaram em mim!”, disse.

O ator de 37 anos também fez questão de agradecer aos seus familiares, à sua mãe e ao Queen, que, abriu a cerimônia sendo a primeira sem um apresentador em três décadas.

Lady Gaga conquistou um Oscar de Melhor Canção para Shallow. Este foi o único prêmio para o filme Nasce Uma Estrela.

 

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e foi membro do Grammy Latino.

As Mais Lidas