in

Buddy Guy terá sua trajetória celebrada no documentário “The Torch”

Buddy Guy terá sua trajetória celebrada no documentário "The Torch"

The Torch, o novo documentário sobre Buddy Guy, dirigido por Jim Farrell, estreou na exibição de gala do encerramento do 55º Festival Internacional de Cinema de Chicago que aconteceu no último domingo (27), dia em que foi batizado como Buddy Guy Day pela organização do evento.

O longa-metragem é a representação visual de como Muddy Waters e Howlin´ Wolf inspiraram a carreira de Buddy Guy e como ele conduziu isso para as próximas gerações de músicos de blues. Também reconstruirá o momento em que Quinn Sullivan, o genial guitarrista de Bedford, se interessou pelo trabalho de Guy.

Buddy Guy terá sua trajetória celebrada no documentário "The Torch"

Em seu vasto material, The Torch revisita imagens de performance de Buddy Guy, bem como suas fotos de arquivo e anedotaas pessoais para dar sua contribuição à história musical e cultural americana.

Buddy Guy esteve na estreia de The Torch em Chicago, ao lado de Farrell e da produtora Amy Briamonte. Hoje, o lendário músico de 83 anos segue na ativa com a sua turnê The Blues Is Alive and Well pela América do Norte e chegou a tocar no Crossroads Guitar Festival de Eric Clapton que aconteceu em setembro na cidade norte-americana de Dallas.

“Buddy Guy é um ícone atemporal de Chicago e temos a honra de encerrar o 55º Festival Internacional de Cinema de Chicago com esta celebração de seu talento e seu compromisso com o legado duradouro do blues, como uma forma de arte americana essencial”, disse Mimi Plauché, diretora artística do evento.

Buddy Guy realizou sua primeira gravação para a Cobra Records no inicio da década de 1950, antes de migrar para a Chess Records, onde se consagrou.

Matéria produzida por Redação

Lewis Capaldi alcança o topo da parada Billboard nos EUA

Queen: fãs colaboram com os novos clipes da campanha "You Are The Champions"

Queen: fãs colaboram com os novos clipes da campanha “You Are The Champions”