Connect with us

O lendário cantor, compositor e guitarrista britânico David Gilmour leiloou 127 guitarras de sua coleção, arrecadando um total de US$ 21,4 milhões (cerca de R$ 80 milhões). O evento aconteceu na última quinta-feira (20) na Christie´s em Nova York (EUA).

O primeiro instrumento a ser leiloado foi uma Fender Stratocaster de 1969 que Gilmour usou nos álbuns clássicos do Pink Floyd de The Dark Side of the Moon até The Final Cut. O valor arrecadado para esta guitarra alcançou US$ 3,9 milhões.

Foto: Alex Kluft | UCR

Também foram leiloadas uma Stratocaster de 1954 e uma guitarra acústica Martin D-35 de 1969 com qual David Gilmour compôs a maioria de suas músicas. Os dois instrumentos foram vendidos por um valor superior a US$ 1,9 milhão. Além disso, uma guitarra Martin acústica D-12 28 de 12 cordas que foi utilizada nas canções Wish You Were Here e Hey You foi vendida por US$ 531 mil.

O leilão na Christie´s estabeleceu um novo recorde para o preço de uma Gibson Les Paul. Um modelo de 1955 utilizado por Gilmour para o solo de Another Brick In the Wall Part II foi vendido por US$ 615 mil.

Todo o montante arrecadado neste leilão foram doados por David Gilmour para a ClientEarth, uma organização global que tem por definição “uma instituição de caridade que usa o poder da lei para proteger o planeta e as pessoas que vivem nele”.

“A crise climática global é o maior desafio que a humanidade enfrentará e, dentro de alguns anos, os efeitos do aquecimento global serão irreversíveis”, disse David Gilmour. “Espero que a venda dessas guitarras ajudem a ClientEarth em sua causa a usar a lei para provocar mudanças reais”.

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e foi membro do Grammy Latino.

As Mais Lidas