in

Decca Records cria bolsa de estudos para jovens britânicos iniciantes na música clássica

Decca Records cria bolsa de estudos para jovens britânicos iniciantes na música clássica

A lendária gravadora Decca Records, um dos braços fonográficos da Universal Music Group, lançou um novo programa educacional que dará oportunidade às crianças e jovens do Reino Unido para iniciarem na música clássica.

Decca Records cria bolsa de estudos para jovens britânicos iniciantes na música clássica

A bolsa de estudos intitulada The Decca Bursary, diz um comunicado de imprensa, “visa inspirar e incentivar uma nova geração de músicos e compositores clássicos. Sua missão é ajudar as crianças a ter um ensino de música clássica, independentemente de sua condição financeira”.

Os pais, das crianças que irão ingressar no Decca Bursary, poderão solicitar à instituição um subsídio no valor máximo de £ 2 mil (cerca de R$ 10,2 mil).

“Como uma gravadora britânica de 90 anos, ficamos horrorizados ao saber dos cortes contínuos que são dados ás artes nas escolas estaduais de todo o país”, disse Rebecca Allen, presidente da Decca. “Nossa indústria prospera com o fluxo contínuo de novos grandes artistas. É profundamente perturbador pensar que as crianças, de qualquer origem, não tenham sequer a oportunidade de explorar a música. Apoiar a bolsa é uma pequena maneira pela qual podemos ajudar a inspirar uma nova geração de amantes da música clássica e a prestar assistência em suas jornadas de descoberta e desenvolvimento“, disse.

Fiona Pope, responsável pelo A&R da gravadora, foi direta quanto a importância de um programa educacional como o Decca Bursary: “A idéia de que o próximo Pavarotti ou Mozart possa estar entre nós, mas que não se possa dar ao luxo de descobrir o talento deles, é ridícula”, concluiu.

Matéria produzida por Redação

Conheça os 20 artistas de hip-hop mais bem pagos de 2019

Conheça os 20 artistas de hip-hop mais bem pagos de 2019

Madonna proíbe fãs de usarem celulares na turnê “Madame X”