Connect with us
Festival GRLS! será lançado para celebrar o papel da mulher na música Festival GRLS! será lançado para celebrar o papel da mulher na música

MERCADO

Festival GRLS! será lançado para celebrar o papel da mulher na música

Com curadoria da Popload, o evento produzido pela Time For Fun acontece no Memorial da América Latina, nos
dias 7 e 8 de março

Divulgação | T4F

Published

on

A produtora Time For Fun anunciou nesta quarta-feira (11) o novo festival GRLS!, que pretende reconhecer, valorizar, transformar e celebrar o papel das mulheres na cultura. O evento, que acontece nos dias 7 e 8 de março no Memorial da América Latina, tem curadoria da Popload e irá mesclar palestras, oficinas, rodas de conversa e muita música! Tudo feito, composto e estrelado por elas, mas destinado a todes*.

Festival GRLS! será lançado para celebrar o papel da mulher na música

As informações sobre as datas de venda de ingressos e lineup de GRLS! serão divulgadas em breve. O público poderá adquirir ingressos separadamente somente para palestras e workshops, somente para os shows ou para ambos.

“Pensamos em um festival feito por mulheres e não-binários, mas que crie uma discussão para todos os gêneros”, afirma Paola Wescher, diretora artística da T4F e sócia da Popload. “Queremos fazer pensar, refletir e também conectar todas as pessoas. A mulher sempre tem que se esforçar mais, se impor mais e conquistar mais para ser respeitada. Temos muitas mulheres fortes em todos os setores da indústria da música, tanto no palco como atrás dele, fazendo tudo acontecer. Queremos amplificar essas vozes e ser um marco neste sentido. Celebrar tudo o que já foi conquistado e abrir caminho para o que ainda precisamos melhorar, criar e conquistar”, concluiu.

Para inserir o público na essência de GRLS!, até os dias do festival, serão produzidos podcasts pela Popload Radio e matérias exclusivas sobre as artistas e as ativações em um portal feito especialmente para GRLS!.

*todes: para promover uma inclusão na linguagem de GRLS!, a palavra “todes” será utilizada para se referir ao público de forma a respeitar a diversidade das identidades.

Estatísticas

GRLS! entende que há questões muito importantes a serem discutidas e questionadas na indústria musical e do entretenimento. Apesar da sensação de que as mulheres vêm conquistando um espaço bem mais significativo, os números mostram que ainda há muitos desafios pela frente.

Em eventos e festivais de música, 87% das escalações são compostas por homens. Neste cenário, os cachês das artistas mulheres são 28% menores que os dos homens, uma diferença que aumenta com a idade. Os levantamentos foram feitos pela BBC Reality Check e União Brasileira de Compositores.

A desigualdade vai além da esfera dos eventos. Da composição à produção, o ambiente musical é dominado por eles: oportunidades, premiações, facilidade de ascensão, aceitação e até de reconhecimento.

Em 2018, 83% dos artistas mais populares da música foram homens, e apenas 12% das 600 músicas mais populares do mundo foram feitas por mulheres. De acordo com dados publicados pela Official Charts Company. E quando pensamos em produtores, a disparidade é ainda mais chocante: a proporção de produtores homens para mulheres nas 400 músicas mais populares de 2018 foi de 47 homens para 1 mulher.

Segundo dados da União Brasileira de Compositores, no Brasil os homens ainda detêm 90% do valor total distribuído e as mulheres ganham em média 28% a menos. Em 2017, entre os 100 artistas que mais faturaram apenas 17 eram mulheres.

Uma campanha internacional iniciada pela PRS Foundation (fundação inglesa que apoia e financia novos talentos musicais pelo Reino Unido) desafiou festivais do mundo todo a igualarem suas escalações em 50/50 até 2022.

Até o momento, 45 festivais já toparam o desafio. E em 2019, o espanhol Primavera Sound se tornou o primeiro grande festival a cumprir a promessa.

MERCADO

Billboard elege Republic Records como a “Gravadora do Ano” de 2019

Esta é a quarta vez que o selo, uma divisão da Universal Music Group, é homenageada pela lendária revista

Published

on

Billboard elege Republic Records como a "Gravadora do Ano" de 2019
Divulgação

A Billboard elegeu a gravadora Republic Records como a Gravadora do Ano de 2019. O anúncio foi realizado na última quarta-feira (15) durante um evento em Nova York (EUA).

Billboard elege Republic Records como a "Gravadora do Ano" de 2019

“A Republic é a principal gravadora da Billboard Hot 100 pelo sexto ano consecutivo e pela sétima vez nesta década”, disse Silvio Pietroluongo, vice-presidente sênior de charts e dados de desenvolvimento da Billboard.

Alguns dos artistas que compõe o cast da Republic Records, são: Post Malone, Ariana Grande, Drake, Florence + Machine, Gotye, Great Van Fleet, Jessie J, Lil Wayne, Lorde, Nicki Minaj, Pearl Jam, The Weeknd, entre outros.

A Republic Records é uma divisão da Universal Music Group.

Continue Reading

MERCADO

Karol G conquista Certificação de Ouro no Brasil com o single “Tusa” 

Published

on

Karol G conquista Certificação de Ouro no Brasil com o single "Tusa" 
Divulgação

A cantora colombiana Karol G, vencedora do Grammy Latino de 2018 como Melhor Artista Revelação, acaba de receber o Certificado de Ouro no Brasil pelo single Tusa, que traz a colaboração de Nicki Minaj. As infoformações são da Universal Music.

Karol G conquista Certificação de Ouro no Brasil com o single "Tusa" 

A cantora figura no Top 10 de artistas globais no YouTube e Tusa está na segunda posição dos vídeos globais mais vistos da plataforma, superando 302 milhões de views.

Karol G é a artista feminina latina número 1 no mundo e uma das mais importantes representantes da música urbana.

No último dia 11, Karol apresentou a canção no programa The Tonight Show With Jimmy Fallon, uma das maiores audiências da TV norte-americana.

Assista agora:

Continue Reading

MERCADO

Brasil foi o sexto país que mais falou sobre K-Pop no Twitter em 2019

Música pop coreana foi assunto de 6,1 bilhões de Tweets no mundo no ano passado

Published

on

Brasil foi o sexto país que mais falou sobre K-Pop no Twitter em 2019
Divulgação

Com fãs espalhados por todas as partes do mundo, o K-pop (música pop coreana) segue mostrando sua força no Twitter. Em 2019, foram registrados globalmente, 6,1 bilhões de tweets sobre o assunto, o que representa um crescimento de 15% em relação a 2018.

Brasil foi o sexto país que mais falou sobre K-Pop no Twitter em 2019

Os brasileiros deram uma contribuição importante para essa conversa: o Brasil foi o sexto que mais Tweetou sobre K-pop em 2019, atrás apenas de países asiáticos e dos Estados Unidos.

Grupo BTS teve o tweet mais o retweetado do ano em 2019

Os milhares de fãs do BTS ajudaram os meninos coreanos a quebrar mais um recorde. Um tweet publicado pelo perfil do grupo, em que o membro Jungkook dança ao som da música Bad Guy, de Billie Eilish, tornou-se o mais retweetado em todo o mundo no ano de 2019.

O BTS também foi o grupo de k-pop mais mencionado no Twitter no ano passado, a frente do EXO e GOT7.

Confira abaixo o ranking dos países que mais falaram sobre K-Pop no Twitter em 2019:

1) Tailândia
2) Coreia do Sul
3) Indonésia
4) Estados Unidos
5) Filipinas
6) Brasil
7) Malásia
8) Japão
9) México
10) Argentina

Continue Reading

As Mais Lidas