Connect with us
Grey Daze lança álbum que homenageia Chester Bennington Grey Daze lança álbum que homenageia Chester Bennington

ROCK

Grey Daze lança álbum que homenageia Chester Bennington

Anjella | Sakiphotography

Published

on

Grey Daze, a banda de Chester Bennington (1976-2017), nascida em Phoenix (EUA) lança o tão aguardado álbum Amends, uma homenagem ao saudoso vocalista do Linkin Park. Este trabalho já está disponível em todas as plataformas digitais pela Loma Vista Recordings.

Grey Daze lança álbum que homenageia Chester Bennington

Foto: Anjella | Sakiphotography

O lançamento de Amends segue meses de construção de um álbum que serve como uma homenagem ao homem “que era conhecido por seu grito penetrante e angústia de fluxo livre”, como referenciou o New York Times ao talento de Bennington.

As pessoas que cercaram o lançamento, seus colegas de banda do Grey Daze: Sean Dowdell, Mace Beyers, Cristin Davis e membros da família de Chester, Talinda Bennington, seus pais, Susan e Lee, além  de seu filho Jaime, todos participaram da curadoria e narrativa que serviu como catarse e a conclusão de uma promessa de ver o álbum de 11 músicas até a conclusão.

Eles compartilharam histórias e insights sobre como o Amends se tornou realidade por meio de um documentário, uma série de vídeos em oito partes dirigida por estúdio, intitulada Making Amends e Dave Navarro organizou uma mesa-redonda com Dowdell e os colaboradores do álbum, Brian “Head” Welch (Korn), Chris Traynor (Bush / Helmet), LP e produtor Esjay Jones.

Amends é o cumprimento de uma reunião planejada de Grey Daze que Chester havia anunciado antes de sua morte prematura.

Ouça:

ROCK

Banda mineira Senhor Kalota revisita clássico dos Titãs em “Não Vou Me Adaptar”

Published

on

Banda mineira Senhor Kalota revisita clássico dos Titãs em "Não Vou Me Adaptar"
Divulgação | Site oficial

A banda mineira Senhor Kalota lançou nesta sexta-feira (3) uma releitura do clássico Não Vou Me Adaptar dos Titãs. Lançada originalmente em 1987 integrando o álbum Go Back, a música foi um grande sucesso da banda paulistana. A faixa já está disponível em todas as plataformas digitais pela Universal Music.

Banda mineira Senhor Kalota revisita clássico dos Titãs em "Não Vou Me Adaptar"

Foto: Divulgação | site oficial

“Gravamos essa música em 2015 e já queríamos uma faixa dos Titãs em nosso repertório de releituras”, explica Visso Lana, vocalista do Senhor Kalota. “É uma banda que nos deixa uma enorme herança na música brasileira, especialmente essa música, que é uma obra de Arnaldo Antunes – autor que nos representa como referência poética e musical. Nós buscamos muito do anarquismo poético dele. Fizemos nossa versão, que passou a ter um papel fundamental para os Kalotas nos shows. Então, resolvemos gravá-la. Estamos numa fase de afastamento social e passando a nos reconhecer como pessoas de verdade e sem excessos. Tudo muda, porém muitos só percebem tarde e quando a realidade lhes bate à porta”, concluiu.

A releitura de Não Vou Me Adaptar é parte integrante do projeto Vale a Pena Gravar de Novo, com direção artística de Leonardo Rivera, gravado, mixado e masterizado por Visso Lana, no estúdio Lero (BH).

Vale a Pena Gravar de Novo surgiu para comemorar os 20 anos do tradicional selo fonográfico Astronauta e, após lançar o single de Maria Bethânia (Caetano Veloso), na voz de Chico Chico, continua colocando no mercado novidades e tendências.

Ouça:

Continue Reading

ROCK

Blitz lança nova versão de “Pode Ser Diferente”

Faixa também ganhou um videoclipe

Published

on

Blitz lança nova versão de "Pode Ser Diferente"
Renan Yudi

O grupo Blitz lançou nesta sexta-feira (3) uma nova versão para o sucesso Pode Ser Diferente, que também ganha um videoclipe no YouTube. O registro audiovisual traz cenas da cidade com cores fortes e lindas imagens, todas concebidas durante a atual quarentena do coronavírus. Com contexto romântico, o single já está disponível em todas as plataformas digitais pela ONErpm.

Blitz lança nova versão de "Pode Ser Diferente"

Foto: Renan Yudi

Pode Ser Diferente ganha destaque com o sax de Milton Guedes. A faixa é parte integrante do álbum Aventuras II, que foi indicado ao Grammy Latino.

A Blitz foi formada no Rio de Janeiro em 1982 e conta com 330 mil ouvintes mensais nas plataformas digitais e mais de 1,2 milhão de visualizações no YouTube.

Confira:

Continue Reading

ROCK

CPM 22 relança o single “Por quê?”

Faixa marca primeiro lançamento pela Ditto Music e antecipa o relançamento de A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum

Published

on

CPM 22 relança o single "Por quê?"
Divulgação | Ditto Music

O CPM 22 lançou na última sexta-feira (3) o single Por quê?, que marca o primeiro lançamento da banda em parceria com a distribuidora digital Ditto Music, além de antecipar o relançamento do álbum A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum, pela primeira vez nos aplicativos de música.

CPM 22 relança o single "Por quê?"

Foto: Divulgação | Ditto Music

Produzido por Michel Kuaker e gravado no estúdio Wah Wah, em São Paulo, A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum é o primeiro álbum do CPM 22. Lançado em 2000 de forma totalmente independente com tiragem limitada – 4 mil cópias – se tornou um item raro.

“‘Por quê?’ é uma música que reflete bem a fase desse álbum, dessa época, e é uma faixa pouco conhecida”, diz Badauí. “Esse álbum tem uma homogeneidade entre as músicas e qualquer uma que for relançada vai remeter a essa fase da banda. ‘Por quê?’ também foi escolhida como primeira a ser relançada porque está entre as faixas que não entraram em álbuns oficiais”, completa.

O relançamento de Por quê? marca os 25 anos do CPM 22: “Claro que o aniversário de 25 anos da banda contribuiu, mas já estávamos querendo relançar A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum nas plataformas digitais há algum tempo”, finaliza Badauí.

Ouça:

Continue Reading

As Mais Lidas