in

Iron Maiden: “Nosso público avançou conosco”  

Iron Maiden: "Nosso público avançou conosco"  
Foto: Site oficial | Iron Maiden

Iron Maiden, um dos grandes nomes da história do rock, viu seu novo álbum Senjutsu, lançado em 3 de setembro deste ano pela Warner Music e BMG, quase superar Certified Lover Boy, o mais recente trabalho do rapper canadense Drake no posto de primeiro lugar entre os álbuns mais vendidos no Reino Unido.

Iron Maiden: "Nosso público avançou conosco"  
Foto: Site oficial | Iron Maiden

Tal performance comercial de Senjustsu fez Bruce Dickinson, frontman do Iron Maiden, refletir sobre o trabalho do rapper, que afirmou não entender sua música: “Nós ficamos cara a cara com Drake na semana em que o álbum foi lançado. Eu realmente não entendo o que ele faz, embora muitas pessoas entendam, mas ficar cara a cara com ele me fez pensar: “Não, essa música é de verdade tocada por um bando de velhotes que não fazem concessões aos tempos em que nós vivemos”, disse o vocalista de 63 anos.

Dickinson também disse sobre a banda contar com o rótulo de “dinossauros”: “As pessoas dizem: “Vocês são dinossauros. E nós pensamos: “Sim, e não sobraram muitos deles. Isso é quem somos, é o que fazemos”.

Outro ponto importante é que, segundo o vocalista do Iron Maiden, a base de fãs da banda não cresceu em decorrência das redes sociais. Para ele, esse fator não é relevante para isso: “Em geral, nosso público avançou conosco. O público do Maiden é como uma mesa feita de madeira compensada: a cada ano, você apenas adiciona uma nova camada e a tabela fica cada vez maior. Crescemos organicamente – não por meio da mídia social ou qualquer coisa assim. Nós crescemos saindo e fazendo isso na frente das pessoas”, concluiu.

 

Matéria produzida por The Music Journal Brazil

Adele: álbum "30" é o mais vendido no Reino Unido em 2021  

Adele: álbum “30” é o mais vendido no Reino Unido em 2021  

Bono canta clássico de "The Joshua Tree" no Natal de Dublin

Bono canta clássico de “The Joshua Tree” no Natal de Dublin