in

Luisa Sonza e o medo de morrer

Tudo começou com a separação da cantora com o Whindersson Nunes

Luisa Sonza e o medo de morrer
Foto: Reprodução | YouTube

Luisa Sonza foi a convidada especial do programa de TV Saia Justa, exibido ontem (11) no canal GNT. Atração é apresentada por Astrid Fontenelle, Sabrina Sato, Luana Xavier e Larissa Luz.

Quando questionada pelas anfitriãs, Luisa revelou que recebia muitos ataques de ódio na internet no ano de 2020 após se separar do humorista Whindersson Nunes. A cantora revelou que estava “com medo de morrer“.

A hitmaker de Anaconda começou explicando sobre como lida com os comentários negativos e de ataques que ela recebe: “Por muitas vezes ou eu encaro, ou eu simplesmente prefiro viver numa realidade paralela em que eu não entro muito em contato com isso“. Por mais que faça terapia, ela pontuou que o impacto de todo esse ódio em sua vida alterou a maneira como ela vê o mundo. “Porque também sempre tem aquela coisa, ‘se mostra forte que a galera vai parar’“, disse.

Luisa Sonza e o medo de morrer
Foto: Reprodução | YouTube

Depois, ela contou que, no dia a dia, procura ignorar os haters, mas que em 2020 o cenário foi muito mais complicado: “Eu não sabia mais o que fazer, minha mente não tava aguentando mais, a terapia não tava mais fazendo efeito, os remédios não tavam mais fazendo efeito. Eu tava com medo de morrer mesmo“, confessou.

Luísa Sonza citou que era xingada na rua, enquanto celebrava o ano novo, e em outras ocasiões.

Matéria produzida por The Music Journal Brazil

Harry Styles: "As It Was" rende disco de platina

Harry Styles: “As It Was” rende disco de platina