Connect with us
MC Guimê: novo clipe “Fight (Jovem Milionário)” foi gravado em casa com direção remota MC Guimê: novo clipe “Fight (Jovem Milionário)” foi gravado em casa com direção remota

POP

MC Guimê: novo clipe “Fight (Jovem Milionário)” foi gravado em casa com direção remota

Jacques Dequeker

Published

on

O funkeiro MC Guimê lançou na última sexta-feira (10), a sua mais nova aposta de hit, Fight (Jovem Milionário), faixa com funk rasteiro, agitado e dançante. A música conta com autoria do artista em parceria com a dupla Dodo & Dee e produção de Go Dassisti e DJ Pãozinho, DJ oficial de Guimê desde o início da carreira do artista. A faixa já está disponível em todas as plataformas digitais pela ONErpm.

MC Guimê: novo clipe “Fight (Jovem Milionário)” foi gravado em casa com direção remota

“Fight (Jovem Milionário) tem uma base de funk rasteiro, um beat que está em alta e no momento tem sido muito escutado e também tem sido a base para vários sons de sucesso no funk, mas em Fight tem uma pegada mais sensual, de noite , diferente de algumas músicas que já fiz. É uma faixa muito atual, que acredito que a galera vai gostar. Um som para as pessoas se sentirem bem, mesmo em fase de isolamento social” comenta MC Guimê.

Para Bruno Alvares, artista plástico que assina a capa do single, o resultado do trabalho – feito com tinta acrílica, marcadores e spray, utilizando técnicas de pintura e do grafite – é reflexo de como ele vê as coisas. Tentando passar as experiências que ele vive e ideias que cria, tudo isso misturado com o lado estético e os elementos que vão compor a arte: a mensagem, a expressão, a técnica, as cores e as texturas, trazendo um equilíbrio no contraste da imagem e na estética.

Pensando nos novos moldes de trabalho, em época de quarentena devido ao coronavírus, o videoclipe foi gravado 100% à distância — feito em casa com imagens captadas pelo celular e dirigido remotamente pelo videomaker e fotógrafo Jacques Dequeker.

“Nossa ideia foi mostrar que é possível produzir coisas bacanas mesmo em períodos como o que estamos passando. Foi trocando mensagens com o Guimê e alguns calls que vimos que era possível fazer um clipe ‘caseiro’ de qualidade. Foi uma ‘piração’, entregamos o material em tempo recorde: uma semana e tudo estava pronto”, afirma Dequeker.

“Com a pandemia que estamos vivendo, ficamos impossibilitados de fazer qualquer tipo de aglomeração, então começamos a idealizar alguma maneira de fazer um clipe dentro de casa, de uma forma mais simples, captando todas imagens direto pelo celular. Então, o desenvolvimento do clipe foi todo trabalhado de maneira remota, já que estamos em período de quarentena, com o diretor Jacques Dequeker, com quem já desenvolvi outros trabalhos muitos satisfatórios. Essa gravação foi totalmente inovadora para gente, mas, não queríamos ficar parados, então a forma que encontramos foi essa: montar um bom roteiro e fazer um videoclipe a distância, com Jacques me passando toda direção direto do escritório da casa dele e eu em casa, que funcionou como cenário para todo vídeo” continua MC Guimê que assina a co-direção do filme.

Confira:

As Mais Lidas