in

Milton Nascimento se despede dos palcos 

Milton Nascimento se despede dos palcos
Foto: Reprodução | Instagram | @miltonnascimento

Uma das maiores vozes da música no mundo, o célebre cantor Milton Nascimento abandonará os palcos.

São 60 anos de uma trajetória espetacular na música popular brasileira, com grandes álbuns e clássicos atemporais que marcaram gerações e tornaram o cantor referência mundial, com artistas da música internacional se declarando fãs de seu trabalho.

Antes de deixar em definitivo as turnês e apresentações, Milton Nascimento realizará sua última turnê internacional, que terá uma novidade: ingressos em NFT.

A turnê derradeira se chamará A Última Sessão de Música.

Milton Nascimento se despede dos palcos
Foto: Reprodução | Instagram | @miltonnascimento

“Eu jamais poderia encerrar essa parte da minha vida de tantos anos na estrada sem homenagear aqueles que me acompanham esse tempo todo: os fãs. E essa turnê foi pensada especialmente pra vocês!”, disse Milton Nascimento. “Seria impossível fazer essa despedida sem colocar no repertório músicas de todas as fases da carreira. A gente quer proporcionar uma experiência única e emocionalmente, do começo ao fim”, completou.

Milton Nascimento garantiu que os clássicos Travessia, Cio da Terra, Nos Bailes da Vida e Ponta de Areia estarão nos setlists dos shows.

“O resto é surpresa“, frisa o cantor.

E concluiu: “”A Última Sessão de Música” é a turnê que vai marcar minha despedida dos palcos. Da música, jamais. E eu espero você para concluir essa travessia comigo”.

Matéria produzida por Marcelo de Assis

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Já realizou reportagens musicais na Record TV para o Domingo Espetacular e Jornal da Record. Foi vencedor do Prêmio TopBlog em 2010 e membro do Grammy Latino.

IZA anuncia "Fé", single que estará em seu novo disco

IZA anuncia “Fé”, single que estará em seu novo disco

Zé Neto e Cristiano: a denúncia de R$ 3 milhões

Zé Neto e Cristiano: a denúncia de R$ 3 milhões