NACIONAIS

Entrevista com Paula Mattos: “Minha inspiração maior é Deus”

By  | 

De compositora ao estrelato, cantora Paula Mattos se tornou um expoente do gênero sertanejo feminino. Hoje, aos 27 anos, é dona de vários grandes sucessos desde o seu álbum-début Acústico pela Warner Music como Que Sorte A NossaRosa Amarela.




Outros grandes artistas já desfilaram em seus repertórios várias composições de Paula Mattos. Entre os intérpretes estão: Simone e Simaria, Michel Teló, Leonardo, Wesley Safadão, Luan Santana, entre muitos outros.

Nesta entrevista exclusiva ao The Music Journal Brazil, a cantora fala sobre o seu novo DVD ao vivo em São Paulo, como nascem suas composições e sobre a sua nova turnê que pode ganhar uma agenda internacional em 2018!

Confira:

Marcelo de Assis: Paula, este é o segundo DVD de sua carreira. O que os fãs podem esperar deste novo trabalho.

Paula Mattos: Estou muito feliz com o DVD novo, o cenário está muito lindo feito pelo Catatau, que é o diretor de vídeo, um dos maiores do Brasil, produção musical pelo Eduardo Pepato, participação da Marilia Mendonça e da Maiara e Maraísa, então tem a diferença do Acústico para este ao vivo com toda a sinergia dos meus fãs ali, então foi muito emocionante. Foi um dia muito realizador para mim, então estou muito feliz e estamos apostando muito nesse repertório novo… Tá muito lindo!

Marcelo de Assis: Porque a escolha de São Paulo para a gravação ao vivo deste registro audiovisual?

Paula Mattos: Então, pensamos em São Paulo porque eu ja moro aqui há seis anos e fica tudo mais perto, tem a questão da logística por conta dos artistas que queriam participar, a imprensa, então ficou tudo por conta da logística. São Paulo né, onde tudo gira, então, foi pensado mais nisso mesmo.

Marcelo de Assis: Como você avalia sua música e sua carreira desde o seu primeiro álbum Acústico, haja visto que hoje você é uma expoente do sertanejo?

Paula Mattos: Eu amadureci muito de lá pra cá. Ganhei muitos fãs, reconhecimento do meu trabalho… O primeiro nós fizemos sem pretensão nenhuma, apenas focando na minha verdade, na minha essência, então pensamos em fazer algo em que passe emoção, que vá tocar as pessoas e que fosse eu mesma. Eu e a minha empresário fizemos isso. E o no segundo álbum eu aprendi muita coisa, amadureci muito, conquistei várias regiões onde trabalhamos. Falo o Brasil inteiro porque o país é muito grande, né? Temos muita coisa para conquistar mas estou muito feliz por poder levar minha música e fazer o que eu amo.

 

A maioria das músicas que escrevo são coisas que acontecem comigo, tanto às coisas boas quanto às sofrências e falo que a minha inspiração maior é Deus.

 

 

Marcelo de Assis: Marilia Mendonça e Maiara e Maraísa são outras expoentes do sertanejo feminino que participam com você neste álbum. Como surgiu a ideia da participação delas nesse DVD?

Paula Mattos: Com as meninas já temos uma parceria, antes mesmo de qualquer uma de nós gravar um DVD ou qualquer coisa e já tínhamos uma amizade. Aí eu tive uma idéia: “Meninas, vamos participar comigo? Seria bacana essa união da mulherada!” E elas toparam na hora, foi super bacana, somaram demais, foi maravilhoso!

Marcelo de Assis: O que os fãs poderão conferir neste repertório?

Paula Mattos: Tem de tudo um pouco: tem música pra se emocionar, tem música pra sofrência, pra dançar (risos) … então tem de tudo um pouco, trazendo a minha verdade, emoção, mas muita animação, porque meu show é bem pra cima, bem dançante e queríamos mostrar isso também!

Marcelo de Assis: Como você analisa a música sertaneja no cenário musical brasileiro?

Paula Mattos: Eu participo de tudo, desde o repertório, arranjo, cenário… Eu gosto de estar ligada em tudo o que está acontecendo em minha volta. Entrei com 9 músicas de minha autoria, e são 11 de outros compositores e parceiros. Então, muita gente quando soube que eu ia gravar o DVD, alguns parceiros mandaram músicas para mim, eu pedi também e foram muito queridos também e graças a Deus tinha muita música boa. É bom quando o artista compõe porque ele já tem o feeling de saber o que vai tocar, o que a galera gosta de ouvir, então, isso é muito bom.

Marcelo de Assis: Como é o seu processo de composição. Como surge a inspiração para escrever uma música?

Paula Mattos: A maioria das músicas que escrevo são coisas que acontecem comigo, tanto às coisas boas quanto às sofrências e falo que a minha inspiração maior é Deus. Falo que tem que ter dom para compor que é diferente de poesia que você tem que contar uma história em 3 minutos. Então é dom, inspiração, a hora que vem você está no carro, no ônibus, em qualquer lugar… Tem que anotar senão você esquece!

Marcelo de Assis: Você costuma anotar em algum dispositivo?

Paula Mattos: Sim! Anoto tudo no celular! As vezes, uma melodia, uma letra, uma ideia… tem que anotar tudo!

Marcelo de Assis: Esse sentido de você, no momento de sua inspiração, buscar coisas que acontecem na sua vida pessoal, isso vai um pouco de encontro com a superação de você já ter quase desistido de sua carreira profissional?

Paula Mattos: Sim. Acho que todo mundo passa por isso, né? Acho que todo artista passa por uma fase difícil, pensa em largar tudo, desistir. Então não é fácil, ainda não é fácil. Eu falo que sou muito pé no chão. Tenho muita coisa para conquistar, mas o importante é não desistir e estar sempre trabalhando, trazendo novidade para o público, fazendo as coisas certas sem passar por cima de ninguém, então é o que eu sempre prezo.

Marcelo de Assis: Como você analisa o mercado sertanejo atual?

Paula Mattos: Eu gosto muito do que eu estou ouvindo agora. Creio que o mercado deva mudar em 2018 porquê existem outros rítmos como rap, funk, reggae, reggaeton,… Então o sertanejo virou essa mistura boa, essa mistura do pop. É música popular brasileira, então, é uma música que agrada todos os públicos.

Marcelo de Assis: Você tem vontade de gravar com algum artista internacional?

Paula Mattos: Ah tenho demais! Sou muito fã da Beyonce, Rihanna, Adele, J-Lo, Ricky Martin, Ed Sheeran …

Marcelo de Assis: Então os artistas que você escuta normalmente …

Paula Mattos: Sim, sim. Tenho muita vontade de gravar alguma coisa! Quem sabe? (risos).

Marcelo de Assis: E como está a sua agenda de shows com esse novo projeto?

Paula Mattos: Com este novo projeto, tende aumentar a agenda. Graças a Deus estamos trabalhando no Brasil inteiro, tem muitas regiões que não fomos ainda e que sonhamos em levar a nossa música. Falo “nossa”, porque tenho minha equipe e não sou nada sozinha. Então, é todo mundo junto!

Marcelo de Assis: E existe planejamento para shows no exterior?

Paula Mattos: Devemos fazer em 2018. Já temos algumas coisas pré-agendadas, mas provavelmente iremos fazer alguma coisa fora do Brasil, uma turnê!

Marcelo de Assis: Sorte e sucesso, Paula!

Paula Mattos: Obrigado e vamos juntos!

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e é membro do Grammy Latino.