Connect with us
Pharrell Williams será conselheiro do Hall da Fama do Rock  Pharrell Williams será conselheiro do Hall da Fama do Rock 

ROCK

Pharrell Williams será conselheiro do Hall da Fama do Rock 

Hitmaker se une a organização ao lado de de executivos da Universal Music e da Sony/ATV

Divulgação

Published

on

O cantor Pharrell Williams agora será conselheiro do Hall da Fama do Rock ao lado de uma série de executivos de gravação e entretenimento, incluindo Michele Anthony e Jody Gerson da Universal Music Group e Jon Platt da Sony/ATV Music Publishing.

Pharrell Williams será conselheiro do Hall da Fama do Rock 

“Temos a sorte e a honra de receber esses líderes criativos em música e entretenimento em nosso conselho”, disse John Sykes, presidente do Hall da Fama do Rock em um comunicado emitido pela Variety. “Cada um traz ao noss conselho uma profunda experiência e amplo conhecimento de música que nos ajudará a continuar a crescer a fundação como uma verdadeira instituição cultural”, disse.

O Conselho da instituição ajuda a supervisionar os indicados de cada ano ao Hall da Fama do Rock com os nomes de 2020 apresentando Depeche Mode, Whitney Houston, Doobie Brothers, Nine Inch Nails, The Notorious B.I.G e T. Rex.

Ainda de acordo com a declaração, o conselho “apoiará a missão da fundação de envolver, ensinar e inspirar através do poder do rock and roll, reconhecendo o papel indelével que o rock desempenha na vida e na cultura moderna”.

A cerimônia de posse de Pharrell Williams e de outros conselheiros acontecerá no dia 2 de maio no Public Auditorium em Ohio (EUA).

ROCK

Wilson Sideral e Rogério Flausino dão voz ao poema de Cazuza em “Essas Canções de Amor”

Published

on

Wilson Sideral e Rogério Flausino dão voz ao poema de Cazuza em "Essas Canções de Amor"
Antonio Andrade

São três décadas de saudade quando Agenor de Miranda Araújo Neto, ou simplesmente, Cazuza, nos deixou em 7 de julho de 1990 depois de uma longa batalha contra a AIDS. Ficaram as lembranças de sua trajetória artística e de sua veia de poeta, que marcou sua passagem por este planeta.

Wilson Sideral e Rogério Flausino dão voz ao poema de Cazuza em "Essas Canções de Amor"

Foto: Antonio Andrade

Suas poesias foram imortalizadas no livro Preciso Dizer Que Te Amo – Toda a Paixão do Poeta, uma luxuosa coletânea de 65 textos não musicados que sua mãe, Lucinha Araújo, encontrou em cadernos e anotações do filho.

Agora, a música Essas Canções de Amor, personifica nas vozes dos irmãos Wilson Sideral e Rogério Flausino todo sentimento impresso por Cazuza no poema Não Reclamo. Esse tributo já é recorrente no trabalho artístico dos irmãos mineiros que, mais uma vez, dão seu toque magistral na composição.

“Isso é um bolero-blues, bicho”, sacramenta Wilson Sideral.

Wilson Sideral e Rogério Flausino dão voz ao poema de Cazuza em "Essas Canções de Amor"

Foto: Antonio Andrade

Sideral e Flausino estão acompanhados no single dos músicos David Maciel (bateria), Adriano Campagnani (baixo), Marcelinho Guerra (guitarra), Marcus Abjaud (teclados), além dos metais sobre a assinatura de Wagner Souza (trompete), Breno Mendonça (sax tenor), Walmer Carvalho (sax alto e barítono) e João Machala (trombone).

Essas Canções de Amor (Não Reclamo), que já está disponível em todas as plataformas digitais pela Sony Music Entertainment, integra o esforço artístico-solidário de manter viva a memória de um dos nomes mais importantes da música popular brasileira. E vai destinar 100% dos direitos autorais à Sociedade Viva Cazuza.

Assista ao clipe, editado por Sideral a partir das imagens de Diego Ruahn:

Continue Reading

ROCK

O dia em que Ozzy Osbourne pediu drogas ao baixista do Metallica 

Published

on

O dia em que Ozzy Osbourne pediu drogas ao baixista do Metallica 

Rob Trujillo, baixista do Metallica, revelou que Ozzy Osbourne já lhe pediu drogas. O músico disse em uma entrevista ao Louder Sound, que ele trabalhava na gravação de um álbum do Infectious Grooves enquanto que Ozzy estava concentrado no seu disco No More Tears.

O dia em que Ozzy Osbourne pediu drogas ao baixista do Metallica 

Foto: Reprodução | YouTube

Tanto Trujillo, quanto os colegas do Infectious Grooves, eram colegas de quarto e estúdio de Ozzy Osbourne.

“Lembro que estávamos gravando ‘The Plague That Make Your Booty Move’ com Mark Dodson em um estúdio chamado Devonshire, e Ozzy estava lá ao mesmo tempo fazendo ‘No More Tears’, então éramos basicamente colegas de quarto ou companheiros de estúdio, por um tempo“, relatou Rob Trujillo na entrevista.

Trujillo também revelou durante a entrevista que lembra de Ozzy “correndo pelo corredor, completamente louco, fazendo muitas coisas naquela época” e que Infectious Grooves já estava pensando em chamar o lendário vocalista do Black Sabbath para cantar em uma música.

Até o momento em que Ozzy Osbourne partiu para o interrogatório: “Vocês tem cerveja?” Não!. Vocês tem vinho?Não. Vocês tem comprimidos? Não. Vocês tem cocaína?Não, Ozzy!.

“Vocês são chatos!”, reclamou a voz de Changes.

Ozzy gravou Therapy para o Infectious Grooves em seu álbum de estreia The Plague That Makes Your Booty Move… It’s the Infectious Grooves de 1991.

Continue Reading

ROCK

Cazuza e o irmão secreto que herdou a herança milionário do artista

Published

on

Cazuza e o irmão secreto que herdou a herança milionário do artista
Divulgação | Site oficial

Cazuza tinha um irmão secreto que, através de um teste de DNA, se comprovou o parentesco. Trata-se de Carlos Augusto Filgueira Magioli, um capitão de fragata da Marinha do Brasil.

Cazuza e o irmão secreto que herdou a herança milionário do artista

Foto: site oficial

Tal fato foi revelado pelo colunista Alessandro Lo Bianco do programa de TV A Tarde é Sua.

De acordo com o UOL, a história estava oculta da mídia desde o ano de 2009, quando o irmão realizou o teste de DNA. Agora, o capitão da marinha brasileira tem direito a valores próximos dos R$ 20 milhões.

João Araújo, um dos grandes nomes do mercado musical brasileiro e pai de Cazuza, faleceu aos 78 anos em novembro de 2013 em decorrência de uma parada cardíaca. Ele foi casado com Lucinha Araújo durante 56 anos.

Ainda de acordo com o UOL, Lucinha Araújo confirmou a informação de Alessandro Lobianco.

Agenor de Miranda Araújo Neto ou, simplesmente, Cazuza, faleceu no dia 7 de julho de 1990, depois de um longa batalha contra a AIDS.

Continue Reading

As Mais Lidas