ROCK

RPM: Dioy Pallone e Fernando Deluqui dividem vocais, banda assina com novo escritório e lança inéditas

By  | 

A banda RPM está de volta em 2018 com um novo vocalista: Dioy Pallone, que além de ocupar a função de baixista do grupo, dividirá os vocais com Fernando Deluqui (voz e guitarra), contando com os outros membros da formação clássica: Luiz Schiavon (teclados) e Paulo Pagni (bateria). Eles já disponibilizaram duas faixas inéditas que foram divulgadas na última semana em sua rede social, Ah! Onde Está Você e Escravo da Estrada. Ambas estarão nas plataformas digitais em breve.




A outra novidade é que eles assinaram com um novo escritório, agora fazem parte do casting da Márcia Stival Assessoria. A empresa, que está em atividade há 18 anos no mercado e possui um importante histórico no mercado musical com trabalhos realizados por nomes consagrados como Nenhum de Nós, Supla, além de grandes nomes do sertanejo como Marcos & Belutti, Cristiano Araujo e Zé Neto e Cristiano, é situada em São Paulo e a partir de agora administrará os assuntos relacionados com a mídia impressa, online e TV.

Sucesso absoluto na década de 1980, o RPM foi recordista de vendas de discos naquela época com álbuns lançados pelo lendário selo da Epic Records (hoje, parte da Sony Music Entertainment), como Revoluções Por Minuto (1985), Rádio Pirata Ao Vivo (1986) e RPM (1988),  além de produzirem shows lotados pelo país, tornando uma das bandas mais icônicas do rock brasileiro.

“Durante esse tempo mesmo em carreiras paralelas, não passamos um dia sequer sem pensar no RPM. Estamos muito empolgados com a volta da banda, revigorada, e ansiosos para fazer shows pelo país. Nossa prioridade é e sempre será celebrar nossa carreira com toda dedicação e brindar aos nossos fãs” comentam.

Confira os clipes de Escravo da Estrada e Ah! Onde Está Você?:


É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e foi membro do Grammy Latino.