Digital

Spotify adiciona créditos de compositores para cada faixa

By  | 

O título desta matéria parece simples demais para um fato histórico: o Spotify anunciou na última sexta-feira (2) que passou a adicionar os créditos de compositores e produtores em seu serviço.

Histórico porque é a primeira plataforma digital em tomar a iniciativa de divulgar os profissionais que colaboraram com os artistas na concepção de uma obra.

Tenho discutido isso há muitos anos com amigos que trabalham na indústria musical como cantores, compositores e produtores na observação de que esse cuidado não havia sido tomado ou, até mesmo, ignorado pelas plataformas digitais. Um enorme erro.

Antigamente, esses dados eram facilmente encontrados nos formatos físicos como CD, vinil e cassete, incluindo, além dos compositores, os locais de gravação, produtores e músicos envolvidos e até agradecimentos, humanizando o trabalho.

No entanto, esse processo começa com algumas limitações: nem todas as faixas estão com os nomes de compositores e produtores preenchidos e para que você tenha acesso à essas informações, elas se apresentarão quando você clicar ao lado da faixa em “mais” e selecionar “créditos”, como apresento abaixo:

“Nós percebemos que alguns dos créditos fornecidos pelo rótulo estão incompletos ou podem conter imprecisões, mas este é apenas o primeiro passo na exibição de créditos para compositores no Spotify. O recurso evoluirá continuamente para se tornar mais eficiente, fornecer uma melhor funcionalidade e incorporar mais informações dos parceiros da indústria ao longo do tempo”. diz o comunicado da empresa. “No lançamento, estamos mostrando informações que temos dos metadados fornecidos pelas gravadoras e também exibiremos a fonte dos créditos para que você saiba de onde vem”.

É claro que realizar esta tarefa é muito fácil, mas esse quesito acaba por ficar ainda “escondido”, compreendendo que não existe um destaque visual para que o usuário possa encontrá-lo com mais rapidez, na forma de um call-to-action.

De qualquer forma, já é o inicio de uma mudança que sempre se fez emergencial.

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e foi membro do Grammy Latino.