MERCADO

Starbucks desiste da venda de CD´s

By  | 

A rede de lojas Starbucks não irá mais comercializar CD´s, reporta a Billboard.

E a interrupção será em março.

Motivo: a queda de 15% nas vendas em 2014.

Analisando a publicação, parece ser o fim de um ciclo neste modelo de negócio para a notória rede especializada em lojas de café, que teve seu auge na venda de CD´s em 2006, quando lucrou cerca de US$ 65 milhões. Sete anos antes, a empresa adquiriu a varejista Hear Music com o intuito em desenvolver novas compilações para distribuição em suas lojas. Foram 5 anos de êxito comercial nesta modalidade.

É mais um fator que vai de encontro com a queda de vendas dos CDs em várias partes do mundo.

Artistas como Paul McCartney, Joni Mitchell e Alanis Morissette tiveram seus lançamentos na Starbucks, via Concord Music Group.

Mesmo assim, a música deverá continuar de mãos dadas com a empresa, mas em formato digital

“A música digital estará presente nas lojas do Starbucks no futuro”, disse uma fonte ligada a publicação.

É jornalista e pesquisador musical. Cobre shows nacionais e internacionais e já entrevistou bastante gente interessante do Brasil e do mundo. Foi vencedor do Prêmio TopBlog Brasil em 2010 na categoria "Música"e é membro do Grammy Latino.