in

Warner, Sony e Universal Music fecham seus escritórios na Rússia

Em uma tentativa de apoiar os ucranianos, as gigantes da música suspendem trabalho em território russo

Warner, Sony e Universal Music fecham seus escritórios na Rússia
Fotos: Divulgação | Warner Music | Universal Music | Sony Music

Em conjunto com outras 200 empresas multinacionais que boicotaram o mercado russo em uma tentativa de protesto contra a ação militar na Ucrânia, as gigantes da indústria musical Warner Music, Sony Music Entertainment e Universal Music Group suspenderam todas as operações na Rússia e fecharam seus escritórios. Outras empresas globais como o Google, Mastercard, Visa, Samsung, Apple, Coca Cola, McDonalds, Live Nation e o próprio Spotify, fizeram o mesmo.

A medida ocorreu quando a invasão da Ucrânia pela Rússia entrava em seu 13º dia. O grupo também divulgou que fez doações para organizações humanitárias que trabalham na Ucrânia.

Warner, Sony e Universal Music fecham seus escritórios na Rússia
Fotos: Divulgação | Warner Music | Universal Music | Sony Music

“Estamos com nossos parceiros que estão no terreno, entregando ajuda humanitária urgente aos refugiados ucranianos”, disse um comunicado das gravadoras.

Segundo a empresa, além do apoio institucional, os seus funcionários também estão apoiando a causa e concentrando as doações em três organizações: CARE, World Central Kitchen e Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV).

Matéria produzida por The Music Journal Brazil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Avril Lavigne revela que tem Beyoncé como inspiração

Avril Lavigne revela que tem Beyoncé como inspiração

“bad guy” de Billie Eilish chega a incríveis 2 bilhões de streams no Spotify

“bad guy” de Billie Eilish chega a incríveis 2 bilhões de streams no Spotify